Sistemas de RPG mais populares para se começar

Role-playing game

News

Sistemas de RPG mais populares para se começar

Guia de sistemas para jogadores principiantes.

By Betão, 06/08/21 - Comment regular icon1 comments

Versions:

Edit Article
Olá! Trazemos neste artigo sistemas de RPG para que você possa reunir seus amigos e explorar a imaginação, em qualquer mundo, em qualquer época e com qualquer personagem. Basta, é claro, usar e abusar da imaginação em suas aventuras! Os sistemas servem para guiar o modo em que o jogo será conduzido, quais regras serão seguidas, os dados e a forma que eles serão usados, as informações nas fichas, entre outros aspectos que o jogo em si pode ter. Existem muitos sistemas atualmente, pois cada jogo novo pode não apenas criar as suas particularidades e usar um sistema já existente, mas criar um sistema de regras totalmente novo, e os jogadores precisam ao menos conhecer os básicos para depois conhecer os mais complexos e novidades.

Ad

Ao iniciar no RPG, todo jogador deve escolher qual o sistema, e todos que irão participar devem estar de acordo com o escolhido, seguir passo a passo a sequência de criação de personagens e o modo de aw progredir na aventura e evoluir seu personagem. Para que você se familiarize com os sistemas, trouxemos alguns mais simples para você escolher aquele que mais agrade o estilo de jogo do seu grupo.

3D&T

Esse sistema pode ser considerado a porta de entrada dos brasileiros atualmente, mas não é porque ele é um pouco mais simples e possui menos exigências, e sim porque é totalmente brasileiro, desenvolvido pela revista Dragão Brasil na década de 90. É otimo para quem está começando, pois precisa apenas de alguns dados de 6 lados, e pode ambientar qualquer tipo de aventura nesse sistema, já que ele é bem permissivo quanto a isso.
Image content of the Website

Como funciona esse sistema?

Como dissemos, seu nível é básico e utiliza apenas o D6 para jogar, ou seja, para danos e outros atributos. Por exemplo, num combate o atacante joga o dado e soma o resultado à determinadas características e outras habilidades do personagem, alteradas pelas vantagens ou desvantagens de ataque, como espada, peso da armadura, do escudo, visão encoberta pelo elmo, entre outros. O defensor faz a mesma coisa, porém com suas características, habilidades e vantagens defensivas. A diferença entre os resultados finais de ataque e defesa determina o dano a ser causado. Existe também controle em algumas ações que o personagem vai executar, e o dado também precisa ser lançado para determinar se houve sucesso ou fracasso ao executar essa ação. Vale lembrar que hoje é mais fácil encontrar 3D&T como Tormenta, e essa não é a primeira, mas sim a terceira edição, já mais desenvolvida; a sua primeira foi D&T criada em 1994. De lá pra cá evoluiu muito, mas ainda mantém sua alma simples para conquistar jogadores novatos.

RPG Quest

Este é um jogo também, mas que adota um sistema diferente daquele que vimos anteriormente. Ele usa as características do RPG interpretativo com elementos de jogo de tabuleiro, com fichas, um tabuleiro, dados, entre outros acessórios. Lançado em 2005, ele tem vários livros, que explicam desde como montar sua própria masmorra, como desenvolver um combate bem estruturado, batalha de exércitos, e até mesmo uma edição similar ao jogo WAR.
Image content of the Website
É bem simples de jogar, o tabuleiro conduz os personagens durante as aventuras, miniaturas fazem a vez dos personagens e dos inimigos que vão surgindo. Utilizam dois dados de 6 faces somados ou subtraídos a um modificador, então são comparados a um Valor de Teste. Caso a soma dos dois d6 + modificadores seja igual ou maior em relação a esse valor de Teste pré estabelecido, que pode ser definido pelo mestre ou mesmo pelas próprias regras, o resultado do teste é um sucesso. Pode ser aplicado a algumas ações importantes do jogo, sejam combates, ações de batalha ou movimentos relevantes.

Ad

Image content of the Website
Existe todo um multiverso para estruturar a história do jogo, com muitos planos e dimensões, e suas aplicabilidades podem ser mais simples à imaginação, sendo mais divertido para quem ainda não tem intimidade com RP; já para aqueles que tem essa intimidade, podem explorar aventuras com limites na imaginação, como é o princípio do RPG. Algo que pode ser divertido é usar tabuleiros de D&D ou GURPS, que já foram lançados para ilustrar algumas aventuras, até mesmo mapas antigos, ou se existe um artista no grupo, o mapa pode ser desenhado, dando um toque personalizado ao jogo da sua turma.

Storyteller

Esse sistema é um pouco diferente dos outros, principalmente do RPG Quest, pois ele tem foco na interpretação dos jogadores, viver realmente os personagens. É um sistema norte-americano que usa o d10 como seu dado, assim como o sistema brasileiro que apresentamos primeiro aqui, mas com encenações das ações e batalhas.
Image content of the Website
O jogo mais conhecido é o Mundo das Trevas, que tem como seus derivados

Vampiro: a Máscara

,

Lobisomem: Apocalipse

e

Mago: a Ascenção

, todos lançados no início dos anos 90. Depois dessas versões vieram outras, trazendo múmias, demônios, entre outros, mas essas três são os mais populares em todo mundo; no Brasil, o Vampiro é o que mais fez mais sucesso.
Image content of the Website
O Storyteller tem um modo ligeiramente diferente de desenvolver o jogo, e quem o conduz não é chamado de mestre, mas sim de narrador. Vale mencionar que não é um live action (esse engano ocorre), por que são diferentes: os live actions são encenações reais do jogo, com fantasia, maquiagem, equipamentos e outros acessórios, e também requerem interpretação artística. Já o Storyteller não chega a ter esse apelo, entretanto exige muito da imaginação de quem o joga, no tom da fala, mudar a voz, demonstrar alguns movimentos feitos pelo personagem ou descrevê-los muito bem.

d20

O sistema

d20

provavelmente é um dos mais populares no mundo do RPG. É um sistema bem completo, que cobre de forma ampla e diferenciada cada etapa do desenvolvimento do jogo, desde evolução dos níveis por experiência em batalha, diferença de multiplicadores entre os inimigos, sempre rolando diferentes dados, e até ações importantes precisa ser verificado se há sucesso ou não, utilizando sua perícia e habilidade como soma ou multiplicador. Usando como base de referência as perícias e habilidades de cada classe e raça, o jogador rola um dado d20, e existem 6 atributos que podem modificar o resultado, sendo eles Força, Destreza, Constituição, Inteligência, Sabedoria e Carisma. Se o resultado for maior ou igual a um número alvo (chamado de Classe de Dificuldade ou CD), a ação foi bem-sucedida. Se for um combate, cada inimigo, seja ele monstro ou não, tem modificadores diferentes e é o mestre quem rola seus dados, para defender ou tentar causar dano.

Ad

Image content of the Website
O D&D já fazia uso de um sistema muito parecido nos anos 90, contudo, com o lançamento da terceira edição em 2000 pela Wizards of the Coast, houve um salto evolutivo muito expressivo em algumas partes do jogo, tornando-o mais completo em relação a suas outras versões, e tem esse nome por usar o dado de 20 lados, d20, como seu dado base.
Image content of the Website
Chegamos ao fim. Esses são os quatro sistemas mais populares entre jogadores, sejam iniciantes ou experientes. O d20 é o mais jogado. Espero que tenha sido proveitosa a leitura e que tenha te deixado com vontade de jogar. Obrigado a todos e até o próximo artigo!
Profile Main Image

Betão

Betão, professor de Física, escritor e roteirista, dedica as horas vagas a conteúdos sobre MTG, RPG, alguns Board Games e ao Bridge.

Social

User profile image

Be the first to comment

Same Author

Popular RPG systems for beginners!

Popular RPG systems for beginners!

A guide of RPG systems for new players!

More from same author

Most read today articles

X
Hi